Este Blog pretende ser também um traço de união entre quem sente, interpreta e decide o Ambiente e a Qualidade de Vida.
Sexta-feira, 08 de Outubro de 2010

Num recenseamento efectuado, foram identifia 20.000 novas espécies, mas um quinto dos oceanos permanece por explorar, segundo um relatório hoje publicado em Londres e realizado após dez anos de estudos.

Após este trabalho, que mobilizou 2.700 cientistas de mais de 80 países, ainda permanecem muitas espécies por descobrir, quer em zonas exploradas.

 

Segundo o estudo, "existem espécies em todas as zonas" estudadas, "mesmo onde há muito pouco oxigénio e luz".

Este recenseamento cartografa também a vida nos oceanos e dá os trajectos migratórios das espécies, estabelecidos graças a satélites e a outros equipamentos electrónicos.

Estes dados devem servir "de base para avaliar as modificações da vida marinha ligadas à mudança natural e à actividade humana", como as marés negras.

Grande parte destas informações esta acessível no site de Internet www.iobis.org.

 

Fonte: Diário de Notícias

publicado por saqv_ps às 12:34
tags:


mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
15
16

17
19
20
22
23

24
27
28
30

31


Últ. comentários
pelo visto o plano do governo nao deu certo..
"Se as contas forem feitas de acordo com toda a ág...
Sinceramente estava mais que na altura... já a his...
Como é que é possível a média em Portugal ser de 1...
é isso ai, Alan, vc já expressou mto bem as palavr...
Parabéns á Sofia Guedes Vaz, pelo belo projeto des...
hf4YJU <a href=\"http://ukuhehkemvit.com/...
Está na hora do PS se ir embora
"As empresas de construção têm à sua disposição um...
Realmente, como é que jornalistas e quercus fazem ...