Este Blog pretende ser também um traço de união entre quem sente, interpreta e decide o Ambiente e a Qualidade de Vida.
Segunda-feira, 22 de Setembro de 2008

DESC.jpgCelebra-se hoje o Dia Europeu sem carros.

Numa altura em que a nossa Mãe Terra reclama mais cuidados e que a crise energética assume os contornos que todos conhecemos, toda a sensibilização que possamos fazer para preservar os seus recursos e o ambiente será, antes de mais, uma aposta no futuro desta nossa Casa Comum.

Pela sua saúde, e pela de todos nós:

- Desenvolva a sua consciência ambiental;

- Utilize os transportes públicos;


e...já agora...


- Movimente-se;

- Tenha uma vida saudável!


Secção Ambiente e Qualidade de Vida - PS
publicado por saqv_ps às 10:19

Quinta-feira, 11 de Setembro de 2008

lbc.jpgOs primeiros projectos lançados no âmbito do Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Eléctrica (PPEC), no ano passado, vão permitir poupar tanto quanto o consumo de 165 mil famílias, aproximadamente o consumo anual conjunto dos concelhos do Porto e Guimarães ou, isoladamente, de Sintra.

É muito ou pouco? Pode parecer pouco por representar apenas um por cento do consumo anual de electricidade do país, mas é considerado muito para um plano localizado de medidas de eficiência, referentes a apenas dois anos (2007-2008).

Com o pacote de projectos em execução, a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) reviu agora em alta o seu impacto, verificando-se, segundo a própria, que ultrapassam os objectivos enunciados pelos seus responsáveis. Em vez da prevista troca para 550 mil lâmpadas mais eficientes, são abrangidas 900 mil; em vez de 5500 frigoríficos de eficiência de topo, são 7000.

As 26 medidas em execução desde o ano passado, por parte de sete promotores, têm efeito até 2023, acompanhando a vida útil dos novos electrodomésticos adquiridos no âmbito da campanha.

A energia poupada neste período, à conta destas medidas, é de 469 gigawatts/hora, correspondendo ao consumo anual de 165 mil famílias. Deste total, a parcela mais significativa - 275 GWh, tanto quanto consomem normalmente 100 mil famílias - resulta de medidas postas em prática no segmento residência, provando que o consumo doméstico é o terreno eleito para este tipo de programas.

Quanto aos consumidores industriais, o balanço da ERSE indica que estes vão poupar, no total, 184 GWh, equivalente ao consumo anual de 65 mil famílias. A entidade reguladora toma como família-tipo portuguesa a definida pelo INE, de 2,5 pessoas.

Menos emissões

O referido consumo evitado de electricidade tem também efeitos positivos em termos de emissões de dióxido de carbono. Serão menos 172 mil toneladas de CO2 que, deste modo, serão produzidas até 2023, com as tarifas a serem também poupadas a mais estes custos.

A ERSE calcula que os efeitos globais finais serão ainda superiores aos ora estimados, já que falta entrar em conta com as medidas para o sector do comércio e serviços - e que se encontram actualmente em avaliação.

O programa de eficiência promovido pela ERSE foi lançado em 2001, ainda sob a anterior presidência da entidade reguladora, de Jorge Vasconcelos, tendo funcionado nos primeiros anos apenas para as empresas de distribuição do sector eléctrico.

O PPEC tem actualmente edições bianuais e uma dotação orçamental anual de 10 milhões de euros, financiada através das tarifas dos consumidores. Na edição 2007-2008, o regulador aprovou os projectos da EDP Comercial, EDP Distribuição, EDA, EEM, Endesa Energia, ISQ e Union Fenosa.

Também o Governo se prepara para avançar com uma outra campanha de distribuição gratuita de 4,5 milhões de lâmpadas eficientes, patrocinada por EDP, CTT, Sonae e Jerónimo Martins. Parte da campanha será financiada pelo fundo de inovação das eólicas.

Com um custo global de cinco a seis milhões de euros, o Governo promete distribuir gratuitamente lâmpadas de baixo consumo junto das famílias de menores rendimentos e nas escolas.

Lurdes Ferreira/Público
publicado por saqv_ps às 08:04

Quarta-feira, 10 de Setembro de 2008

Estudantes portugueses premiados na área da poupança de energia
10.09.2008
Lusa

Estudantes de três escolas portuguesas foram premiados num concurso sobre poupança de energia promovido pela associação europeia de fabricantes de plástico, a PlasticsEurope.

Na segunda edição do concurso "O nosso futuro é energia", que tem como objectivo promover as questões da eficiência energética e da preservação do ambiente, três trabalhos de estudantes de duas escolas básicas e uma secundária portuguesas foram seleccionados pelo júri, duas para receberem um prémio e outra para ser distinguida com uma menção honrosa.

Segundo divulgou a PlasticsEurope, concorreram estudantes de 34 países europeus, com idades entre os sete e os 20 anos.

Na categoria "Queres ser um herói?" foram premiados cinco projectos, incluindo o filme "Carros velhos, o que fazer?" apresentado por três alunos da Escola Secundária da Lagoa, Açores. Joana Gonçalves Rocha, Filipe Daniel Sousa Cimbron e Micaela Alexandra Cabral Lima irão na próxima quarta-feira a Bruxelas receber o galardão.

As turmas do 5ºA, 5ºB e 6ºA da Escola Básica do 1º e 2º Ciclos de Mem Ramires, Santarém, apresentaram a banda desenhada "Eugénio vai à escola", estando entre os cinco premiados na categoria "Aventuras do Herói FuturEnergia".

Por outro lado, os alunos Alberto Silva, Rafaela Sá e Sandra Barreto, Escola Básica do 1º,2º e 3º Ciclos/PE Professor Francisco M.S. Barreto, da Calheta, Madeira, recebem uma menção honrosa com "Energizer", um texto e uma ilustração com que concorreram à categoria "Perfil do Herói FuturEnergia".

A PlasticsEurope não divulgou em que consistem os prémios.
publicado por saqv_ps às 22:07


mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
23
24
25
26
27

28
29
30


Últ. comentários
pelo visto o plano do governo nao deu certo..
"Se as contas forem feitas de acordo com toda a ág...
Sinceramente estava mais que na altura... já a his...
Como é que é possível a média em Portugal ser de 1...
é isso ai, Alan, vc já expressou mto bem as palavr...
Parabéns á Sofia Guedes Vaz, pelo belo projeto des...
hf4YJU <a href=\"http://ukuhehkemvit.com/...
Está na hora do PS se ir embora
"As empresas de construção têm à sua disposição um...
Realmente, como é que jornalistas e quercus fazem ...
subscrever feeds